19.07.2021 Brasil

Iniciamos operação de nova fábrica em Pecém, no Ceará

Nossa nova moagem irá abastecer o mercado da região Metropolitana de Fortaleza com Cimento Poty – Todas as Obras, com maior resistência e proteção contra maresia, e utiliza tecnologias e inovações para produção mais sustentável.

 

Pecém (CE), 19 de julho de 2021 – Anunciamos o início da operação da nova linha de produção da nossa fábrica de cimento no Complexo Industrial e Portuário do Pecém, no Ceará. Com a ampliação, a unidade passa a ter uma capacidade de produção da ordem de 1 milhão de toneladas de cimento por ano – volume suficiente para construir 40 estádios de futebol, por exemplo. O volume de produção da nova unidade irá reforçar o abastecimento do mercado da região metropolitana de Fortaleza.

Investimos cerca de R$ 200 milhões no projeto, que teve duração de três anos, e priorizamos a eficiência energética e a automação industrial, com a instalação de equipamentos de última geração, seguindo a nossa estratégia de sustentabilidade. Para a execução das obras e início da operação, geramos mais de 600 empregos na unidade, entre diretos e indiretos.

“Essa nova fábrica da Votorantim Cimentos no Pecém e a ampliação da capacidade de produção mostra toda a confiança da empresa no nosso Estado. O empreendimento ajudará a impulsionar a economia, gerando mais emprego e renda aos cearenses. Temos trabalhado dia e noite para atrair novos investimentos ao Ceará e, com isso, aumentar a geração de novos postos de trabalho para a nossa população”, diz o governador do Ceará, Camilo Santana.

“O projeto da ampliação de Pecém nos enche de orgulho e satisfação pela qualidade técnica e pela contribuição ao desenvolvimento social, econômico e ambiental do Estado. Com o investimento que realizamos, fortalecemos nossa atuação e presença em um mercado estratégico e importante, que é o Ceará. Com a nova fábrica, mais moderna e eficiente, vamos aumentar nossa capacidade de produção, distribuição e nível de atendimento aos nossos clientes na região”, afirma o nosso presidente global, Marcelo Castelli.

 

Cimento mais resistente e que protege contra maresia – A nossa nova linha de produção em Pecém irá fabricar o Cimento Poty – Todas as Obras. Foram realizados diversos estudos para que o produto, além de oferecer a qualidade já conhecida no mercado do Ceará, tenha como vantagem adicional mais proteção contra maresia.

“Vamos ofertar ao nosso cliente um produto com a mesma qualidade e performance já reconhecidas, mas com evoluções para atender diversos tipos de obra, da fundação ao acabamento. Estamos muito felizes em avançar em nossos processos para oferecer produtos que atendem as necessidades específicas do mercado cearense, além de apresentarem uma produção com menor impacto ambiental”, diz o nosso diretor de Vendas e Marketing, Hugo Armelin.

 

Tecnologia de ponta na operação – Além do benefício no produto, a nova linha de produção opera com um novo moinho de cimento, que consome menos energia elétrica. O equipamento vertical reduz em 30% o consumo de quilowatt-hora em comparação ao moinho horizontal. Outra tecnologia sustentável da nova moagem é um circuito fechado de refrigeração que reduz a geração de efluentes. Por meio desse sistema é possível reutilizar a água usada para resfriar os equipamentos, proporcionando uma diminuição de 90% no consumo do recurso hídrico industrial.

Tecnologias de ponta utilizadas na expansão da fábrica cearense também permitirão que produzamos um cimento mais sustentável. O cimento produzido em Pecém emite 60% menos CO2 por tonelada, quando comparado ao produto produzido anteriormente, beneficiando o meio ambiente e o planeta.

“Todas as iniciativas que desenvolvemos trabalham em sintonia com os nossos Compromissos de Sustentabilidade para 2030 e estão alinhados à missão do setor de produzir concreto carbono neutro até 2050. A conclusão do investimento na fábrica de Pecém também fortalece nosso pilar de competitividade ao focarmos na excelência operacional e oferecer ao mercado produtos baseados em soluções que prezam pela qualidade e respeito ao meio ambiente”, ressalta o nosso diretor de Operações no Brasil, Edson Araújo.

 

Ampliação logística – Temos duas operações industriais no Ceará. A fábrica de Pecém foi inaugurada em 2008 e produz cimento e argamassas. Antes da ampliação, a capacidade de moagem de cimento da unidade era de 200 mil toneladas por ano. Já a fábrica de Sobral opera desde 1968 e possui duas linhas de produção de cimento com a marca Poty: Todas as Obras e Obras Estruturais. Com o investimento realizado na expansão, as duas unidades somam uma capacidade de produção total de 2,2 milhões de toneladas de cimento por ano no Estado do Ceará.

Possuímos atualmente uma linha ferroviária que realiza o transporte de insumos e produtos entre as nossas instalações de Sobral, Pecém e do Centro de Distribuição (CD) de Mucuripe, em Fortaleza. Para fortalecer o atendimento da região metropolitana de Fortaleza, também ampliamos o nosso ramal ferroviário em 2,6 quilômetros para expedição do produto ensacado e abastecimento do CD. Com isso, nós também aumentaremos as alternativas logísticas para transportar insumos e abastecer o mercado com nossos produtos.

Últimas Notícias

É com muito orgulho que a Engemix, nossa unidade de negócio de concreto, recebeu junto com a Nortis Incorporadora e Construtora, a PhD Engenharia e......
A Engemix, nosso negócio de concreto, capacitará 10 profissionais para operarem um caminhão betoneira em Canoas (RS). As inscrições vão até o dia 22 de......
Por meio da nossa subsidiária espanhola Corporacion Noroeste anunciamos hoje, 15 de outubro, que concluímos a aquisição integral da Cementos Balboa, na Espanha. A Cementos......